API do Google AdWords, diferencial competitivo | Clinks

API do Google AdWords, diferencial competitivo

09/04/2012 Por: na Categoria Palavra-chave com 0 e 0
Home > Blog > Palavra-chave > API do Google AdWords, diferencial competitivo

Como a API do Google AdWords pode ser um diferencial competitivo para suas campanhas

API do Google AdWords - Diferencial Competitivo

– Esses dias pesquisei um livro que precisava para o meu curso: Manual de Direito Comercial, de Fábio Ulhoa Coelho. Busquei no Google apenas o título do livro, sabendo que os resultados seriam mais amplos. Logo, um anúncio de Link Patrocinado do Google AdWords me chamou atenção, oferecia livros de direito em 10 vezes, entrega rápida e frete grátis. Ao clicar, chego a uma página que não tinha o livro. Talvez o site até tivesse, mas isso foi suficiente para eu prosseguir minha pesquisa de outras formas (e portanto, desistir daquele site).

– Casos a parte, todo gestor de Links Patrocinados sabe como é difícil apresentar anúncios com segmentações que chegam próximo dos limites de campanhas e Palavras-chave que o Google AdWords permite. Um e-commerce acaba exigindo muito do administrador de conta e do set-up da campanha, pela número grande de buscas que podem levar a algum tipo de oferta do site. A API[1] é uma forma de se alcançar excelência na gestão de Links Patrocinados.

– Vou tentar trazer exemplos para explicitar como essa inovação pode colocar empresas anos luz à frente de outras na concorrência publicitária:

Super Storm, maratonista do PPC

– Vamos supor que um cliente pesquisa “tênis de corrida super storm”[2], sua campanha está belamente configurada para “tênis de corrida”. Todos que administram contas sabem que existe  uma diferença entre a palavra-chave definida para ativar os anúncios e a que de fato ativou o anúncio, pois essa última foi inserida pelo usuário (só não existe quando se utiliza de colchetes, que é o tipo correspondência exata). O anúncio apareceu, o cliente comprou e logo aparece uma oportunidade de otimização: por que não configurar essa busca para tornar o anúncio ainda mais relevante? Com a API você poderia programar uma rotina que, a partir de X ocorrências de uma determinada palavra-chave de ativação, por meio de um template de anúncio, criar um novo a partir dessa busca que tem sido frequentemente usada pelo consumidor.

Acabou o estoque, tenho 1.000 produtos na minha campanha, e agora?

– Ou, vamos supor que acabam os últimos exemplares do Super Storm, isso numa loja com uma variedade que ultrapassa os milhares de produtos pode ser uma bela dor de cabeça para quem administra campanhas. Com a API, é possivel programar uma rotina em que, o esgotamento de um estoque pode gerar um comando para pausar o anúncio daquele produto em questão.

Automatizando a economia de verba publicitária

– Outro caso, um clássico, é a alta taxa de conversão. Vamos imaginar que você configurou a palavra-chave “tênis de caminhada” mas o usuário, ao chegar na bela página do Super Storm, vê que não precisa de algo tão requintado para uma simples voltinha pelo bairro. Logo, a taxa de rejeição começará a subir, e, a partir de uma quantidade considerável de visitas nesse mesmo padrão (pelo menos umas 100) já é possível descartar essa busca, e até mesmo usar como Palavra-chave negativa. Outra rotina configurável por meio da API.

– Esses são só alguns exemplos, e existem N elevado à enésima potência de combinações possíveis. O mais importante é combinar a expertise na hora de criar sua API com uma grande expertise na área de campanhas, para que o core system não fique obsoleto frente ao entendimento de mercado que só os gestores podem oferecer, isso inviabilizaria o projeto, tornando necessária a reescrita do software.

[1] Application Programming Interface.
[2] Apenas um exemplo, esse modelo não existe.

Copyright © Clinks - Google Partner PREMIER. Agência Certificada Google AdWords.

Seus Links Patrocinados Nas Mãos de Especialistas.