Devo Pausar ou Excluir Uma Palavra-Chave Ruim? | Clinks

Devo Pausar ou Excluir Uma Palavra-Chave Ruim?

09/07/2012 Por: na Categoria Palavra-chave com 0 e 1
Home > Blog > Palavra-chave > Devo Pausar ou Excluir Uma Palavra-Chave Ruim?

Se uma palavra-chave está com desempenho ruim, o ideal seria excluí-la ou pausá-la?

– Otimizar uma campanha de Links Patrocinados significa aperfeiçoá-la com o passar do tempo, removendo o indesejado e acrescentando o relevante. Tudo em uma campanha do Google AdWords é passível de otimização, desde a escolha de palavras-chave até detalhes em uma Página de Destino.

– Quando falamos em otimizar as palavras-chave significa que você deve sempre avaliar as palavras que estão lhe trazendo resultados e, talvez, investir mais tempo e dinheiro nelas. Ao mesmo tempo, aquelas que não estão lhe dando o retorno esperado talvez devam ser deixadas de lado. Mas o que isso significa? No caso das palavras que não estão trazendo benefícios para suas campanhas, o correto seria excluí-las? Ou seria melhor simplesmente pausá-las?

Excluir ou Pausar – Faz Diferença

– Resumidamente, podemos responder que sim, faz diferença. E por que podemos chegar a esta conclusão? Porque uma palavra-chave, mesmo quando pausada, continua influenciando o Índice de Qualidade de toda a conta.

– O sistema do Google AdWords possui um sistema que vai além de avaliar o que está em execução em uma conta. Uma vez que você comprou uma palavra-chave e esta passou a acionar seus Links Patrocinados, esta palavra tornou-se figura atuante na formação do Índice de Qualidade, quer para seu aumento, quer para sua queda. Quando você pausa esta palavra-chave, o Google AdWords continua encarando-a como um fator determinante. Para o Google, a palavra-chave pausada é como um ator que saiu de cena, mas que voltará no ato seguinte. E como diz o dicionário, uma Pausa é “uma interrupção temporária de uma ação”. Assim, o Google AdWords não ignora a palavra como se ela não mais fizesse parte do todo. Ela apenas foi pausada. Para o Google, isto significa que em breve, ela voltará.

– Assim, temos duas situações. Digamos que você tenha comprado a palavra-chave “Tênis Dia dos Pais”. Esta palavra lhe traz um bom retorno, e seu Índice de Qualidade é beneficiado por ela. Mas, uma vez que o dia festivo fica para trás, você não tem mais porque usá-la (não até o próximo ano). Neste caso, você pode decidir pausar a palavra-chave. Visto que ela teve um bom resultado, pausá-la vai permitir que ela continue influenciando sua conta, contribuindo para o aumento do seu Índice de Qualidade.

– Este tipo de ação tem o seu lado ruim: dependendo do número de palavras-chave pausadas, você pode começar a enfrentar dificuldades em organizá-las. Imagine uma conta com centenas de palavras-chave ativas, e outras centenas pausadas.

– Uma outra situação é quando você usa uma palavra-chave e ela não lhe traz bons resultados, tendo um baixo Índice de Qualidade. Neste caso, mesmo que você não tenha certeza se irá usá-la novamente, num futuro próximo, o recomendável é excluir. Desta forma, você impedirá o Google AdWords de vistoriar diversas palavra ruins, e aplicar a regra para sua conta, prejudicando a qualidade da mesma.

– Devo pausar ou excluir uma palavra-chave que não uso mais? Como vimos, isto dependerá de uma série de fatores. A decisão final precisa ser acertada para não prejudicar o Índice de Qualidade de suas conta no Google AdWords.

Copyright © Clinks - Google Partner PREMIER. Agência Certificada Google AdWords.

Seus Links Patrocinados Nas Mãos de Especialistas.