Google Vai Parar de Ler E-mails Para Gerar Links Patrocinados no Gmail

Google Vai Parar de Ler E-mails Para Gerar Links Patrocinados Personalizados no Gmail

27/06/2017 Por: na Categoria Anúncios com 0 e 6
Home > Blog > Anúncios > Google Vai Parar de Ler E-mails Para Gerar Links Patrocinados Personalizados no Gmail

Conteúdo de e-mails não será mais usado para personalizar Links Patrocinados exibidos na plataforma do Gmail

Anunciar no gmail– O Google AdWords está revisando a forma como analisa os sinais dos usuários, com a finalidade de gerar conteúdo personalizado em Links Patrocinados exibidos no Gmail. Segundo noticiado, a empresa deixará de escanear os e-mails com objetivo de oferecer anúncios contextuais aos usuários.

– A notícia foi compartilhada pelo Google em anúncio sobre alterações no G Suite (serviços de nível empresarial, não inclusos nos aplicativos gratuitos do Google). O Gmail do G Suite já não utilizava esta técnica de personalização de anúncios. E, agora, o Google AdWords comunica que fará o mesmo com a versão gratuita do Gmail.

Os Motivos da Mudança

– O Google AdWords sempre trabalhou sob a ótica da necessidade de relevância dos anúncios. Este princípio orientador objetiva beneficiar duas frentes:

  • Usuários: os anúncios são exibidos de acordo com as pesquisas, navegação e sinais do usuário. Assim a publicidade está conectada ao conteúdo consumido pelo internauta, diretamente relacionada ao seu interesse;
  • Empresas anunciantes: com anúncios personalizados e apresentados de forma contextual ao interesse do público-alvo, aumenta o potencial de engajamento. Os anúncios são exibidos para pessoas com interesse no que a empresa tem a oferecer. Isto aumenta o potencial de cada real investido pela empresa na publicidade online.

– No entanto, no caso dos Links Patrocinados exibidos no Gmail, isto envolve um trabalho que gerou algumas discussões. O Google escaneava os e-mails para identificar o contexto da mensagem e o interesse do internauta. Para uma empresa que anuncia na internet, isto oferecia mais uma oportunidade de personalizar a mensagem publicitária. Mas a técnica gerou desconforto entre usuários, o que contribuiu para esta mudança.

– Isto não significa o fim dos Links Patrocinados personalizados na plataforma de e-mails. As empresas continuam tendo a oportunidade de anunciar no Gmail. No entanto, o que muda será a forma como os sinais contextuais do usuário serão identificados. Para isso, o Google recorrerá ao histórico de pesquisa do internauta em seu mecanismo de busca, bem como o histórico de navegação no YouTube.

Copyright © Clinks - Google Partner PREMIER. Agência Certificada Google AdWords.

Seus Links Patrocinados Nas Mãos de Especialistas.