Métricas do Analytics Para Criar Listas de Remarketing | Clinks

Métricas do Analytics Para Criar Listas de Remarketing

13/03/2014 Por: na Categoria Dicas com 0 e 0
Home > Blog > Dicas > Métricas do Analytics Para Criar Listas de Remarketing

Métricas e dimensões do Analytics podem ser utilizadas como critério para criar listas exclusivas e ainda mais segmentadas para o Remarketing do Google Ads

Google Analytics Remarketing– O Remarketing é uma poderosa ferramenta do marketing online. Trata-se de um recurso do Google Ads voltado para alcançar um público-alvo específico – aqueles que já visitaram seu site, retomando assim a comunicação com eles por exibir Links Patrocinados personalizados. Desta forma, abre-se oportunidade para as empresas que anunciam na internet manter estrito contato com aqueles usuários que costumam realizar conversões de uma forma mais lenta. As taxas de conversão para este tipo de marketing online são maiores.

– Visando atingir um público ainda mais segmentado, é possível configurar as listas de Remarketing no Google Analytics, associando-as e exibindo-as nas contas do Google Ads. O diferencial oferecido por esta configuração adicional é aumentar os critérios de segmentação das listas.

– O Remarketing pode ser facilmente configurado no Google Analytics já que usa a codificação simplificada. Isto significa que se exige a substituição de uma linha no código de acompanhamento do Analytics. Trata-se apenas de uma única linha (compatível com versões síncrona e assíncrona do código de acompanhamento) que abrirá oportunidade para o anunciante criar quantas listas de remarketing desejar, sem a necessidade de alteração futura no código. À medida que novos usuários do público-alvo atenderem aos critérios estabelecidos pelo anunciante, o Google Analytics irá atualizar a lista exibida na conta do Google Ads associada.

– O requisito estabelecido para que a lista de remarketing funcione é a inclusão de um mínimo de 100 cookies únicos para a rede de Display (ou seja, 100 visitantes ativos nos últimos 30 dias) e 1000 cookies para a rede de pesquisa. Esta condição é estabelecida pelo Google Ads.

– Ao configurar o Remarketing no Google Analytics, o anunciante tem a possibilidade de utilizar, como segmentação, uma opção adicional às segmentações tradicionais (todos os visitantes do site, visitantes de uma área específica do site e visitantes que concluíram uma determinada conversão). A opção adicional é estabelecer outros critérios de um segmento de visitantes. Esta opção adicional incrementa ainda mais os critérios de segmentação, criando combinações mais personalizadas para geração de listas exclusivas. As métricas e dimensões do Google Analytics, tais como duração da visita, navegador utilizado, sistema operacional, dados geográficos, além de muitas outras métricas específicas, podem ser utilizadas pela empresa que anuncia na internet para criar suas listas de remarketing. Por exemplo, uma empresa que anuncia barcos e iates na internet poderá criar listas de remarketing para atingir somente os usuários que ficaram mais de um minuto navegando em seu site. Além disso, o filtro Sequência permite que uma série de ações sequenciais sejam listadas como critério que os visitantes devem atender, qualificando-os para serem impactados pelos Links Patrocinados do Remarketing. As possibilidades são inúmeras.

– A criação de listas de remarketing no Google Analytics permite ao anunciante criar filtros para melhor direcionar seus Links Patrocinados. As múltiplas informações disponíveis no Analytics podem ser assim combinadas e utilizadas como requisitos para selecionar os usuários ainda mais específicos dentro do seu público-alvo.

Copyright © Clinks - Google Partner PREMIER. Agência Certificada Google Ads.

Seus Links Patrocinados Nas Mãos de Especialistas.