Políticas Google Ads: Informações Pessoais - CLINKS

Políticas Google Ads: Informações pessoais

Home > Políticas Google Ads > Políticas Google Ads: Informações pessoais

Políticas Google Ads: Informações Pessoais

 

Exigências Técnicas Para Cumprir ao Solicitar Informações Pessoais dos Usuários Segundo Políticas do Google Ads– O Google Ads é um segmento do mercado publicitário que preza pela confiabilidade dos seus serviços. Isto envolve fornecer segurança não apenas aos anunciantes, mas também àqueles que clicam nos anúncios e são direcionados para as respectivas páginas de destino. Pensando nisso, o Google Ads criou a política de publicidade denominada Informações Pessoais. O objetivo dela é garantir que o site anunciado nos links patrocinados seja transparente e seguro. O que isto exige dos anunciantes?

– Há ocasiões em que um anunciante talvez precise de algumas informações pessoais e confidenciais de seus visitantes, como por ocasião de uma transação financeira online. Nesta situação, o anunciante precisará solicitar dados tais como número de documentos pessoais, informações bancárias, cartões de crédito ou de débito. Se o website solicitar estas informações pessoais precisará estar, obrigatoriamente, hospedado em um servidor seguro. Do contrário, seus links patrocinados não serão aprovados para exibição no Google Ads. Isto significa que o website precisa utilizar SSL, que é uma tecnologia de criptografia para transmissão segura de dados. A maneira mais prática de sabermos se estamos em um website que faz uso desta tecnologia é através do endereço URL: eles sempre começam com https:// e não com http://. A maioria dos navegadores também exibem um cadeado quando um website protegido é acessado. O Google Ads especifica esta diretriz em suas regras de conteúdo porque isto reduz consideravelmente a possibilidade das informações pessoais e bancárias dos seus usuários serem interceptadas indevidamente por terceiros.

– Se você for solicitar informações pessoais dos usuários que visitarem seu site, não envie anúncios para o Google Ads antes de realizar a configuração do SSL para o seu website. Para isto, precisará entrar em contato com o seu servidor de hospedagem para fazer o pedido. Após instalado, você precisará identificar quais são as páginas do seu website que devem estar protegidas pelo SSL. Não é necessário criptografar todas elas, mas somente aquelas que requisitarem os dados pessoais do internauta. Por fim, será necessário editar as URLs, para que apareçam como https:// e não http://.

– E se você fizer todas estas implementações e, ainda assim, o Google Ads reprovar seus anúncios, especificando que você violou as regras de publicidade sobre Informações Pessoais? É provável que isto aconteça quando há problemas na configuração do SSL. Para ter certeza que ele está funcionando, é interessante você acessar suas páginas através de dois ou mais navegadores. Não é incomum páginas apresentarem o https:// e o cadeado em um navegador, mas falharem com outro browser. Se o Google Ads perceber isto, vai reprovar o anúncio. Assim, lembre-se de testar vários navegadores antes de enviar seus links patrocinados para avaliação. E como teste adicional, sempre clique no cadeado para confirmar que a conexão é realmente segura.

– Estas modificações são essenciais não apenas para ter seus links patrocinados aprovados pelo Google Ads, mas também para conquistar a confiança de seus clientes ao efetuarem transações online.

Políticas Google Ads - 2º Ed.

Compre o e-Book

Tenha sempre a mão em seu Smartphone, Tablet ou Pc todas as políticas do Google Ads explicadas detalhadamente.

Copyright © Clinks - Google Partner PREMIER. Agência Certificada Google Ads.

Seus Links Patrocinados Nas Mãos de Especialistas.