Políticas Google Shopping: Mercados, Vendedores de Mercado e Agregadores | Clinks

Políticas Google Shopping: Mercados, Vendedores de Mercado e Agregadores

Home > Políticas Google Shopping > Políticas Google Shopping: Mercados, Vendedores de Mercado e Agregadores

Políticas Google Shopping: Mercados, Vendedores de Mercado e Agregadores

 

– Visando garantir uma boa experiência de navegação e de compra para os consumidores, o Google Shopping criou políticas de publicidade que orientam a promoção de produtos de mercados, vendedores de mercado e agregadores. Conheça o que envolve as diretrizes de publicidade para cada um destes segmentos.

Mercados e Vendedores de Mercado

Mercados, Vendedores e Agregadores do Google Shopping– O Google Shopping chama de Mercados os sites que hospedam itens de vários vendedores em um mesmo domínio. Por exemplo, o MercadoLivre utiliza o site para ser o intermediário nas negociações entre vendedores e compradores. Será que estes vendedores individuais podem anunciar no Google Shopping?

O Google Shopping não aceita listagens de vendedores individuais, mas somente o feed de produtos enviado pelo próprio Mercado. A exceção é quando o Mercado não envia o feed em nome do vendedor. Os Mercados precisam acessar o seguinte link para solicitar uma conta multicliente. Desta forma, cada vendedor pertencerá a uma subconta separada na conta multicliente.

– Diversos vendedores não podem enviar ofertas duplicadas na mesma conta. Isto caracteriza violação desta política de publicidade.

– Os Mercados precisam levar em consideração a necessidade de qualidade e respeito às diretrizes de publicidade por parte dos vendedores das subcontas. Quando subcontas não respeitam estas normas, elas podem ser desativadas. Além disso, quando há um excesso de desativações, o próprio Mercado poderá ter sua conta desativada permanentemente. Por isso, os Mercados precisam fazer uma triagem da qualidade ofertada pelos vendedores em suas subcontas. Isto é um passo importante para que o nome do próprio Mercado não seja afetado junto ao Google Shopping.

Agregadores

Agregadores são definidos pelas políticas de publicidade do Google Shopping como terceiros que enviam dados ao Google em nome de comerciantes individuais. Os agregadores precisam atender a algumas normas para que possam divulgar seus produtos no Google Shopping.

– O agregador deve possuir uma conta de e-mail por meio da qual o Google entrará em contato enviando informações pertinentes à manutenção da conta. Cada comerciante individual de um agregador deve cumprir com as diretrizes de publicidade. Violações destas políticas podem levar à desativação dos comerciantes individuais. Quando ocorrem excessos de desativações, isto poderá fatalmente resultar em desativação da conta do agregador.

– O Google Shopping se esforça para que as informações disponibilizadas para os usuários do mecanismo de busca sejam de alto nível. Por esta razão, a fim de garantir dados de alta qualidade, as empresas que anunciam produtos no Google precisam seguir de perto as diretrizes dispostas na política de Mercados, Vendedores de Mercado e Agregadores. 

Políticas Google Shopping - 2º Ed.

Compre o e-Book

Tenha sempre a mão em seu Smartphone, Tablet ou Pc todas as políticas do Google Shopping explicadas detalhadamente.

Copyright © Clinks - Google Partner PREMIER. Agência Certificada Google AdWords.

Seus Links Patrocinados Nas Mãos de Especialistas.