Revisar Configurações de Remarketing Para Melhorar Resultados

Revisar Configurações de Remarketing Para Melhorar Resultados do Google Ads

22/05/2017 Por: na Categoria Anuncia via agência Google Partner, Otimização com 0 e 10
Home > Blog > Anuncia via agência Google Partner > Revisar Configurações de Remarketing Para Melhorar Resultados do Google Ads

Que fatores devem ser cuidadosamente analisados ao criar e revisar as listas de Remarketing ao anunciar no Google?

Remarketing– O princípio das campanhas de Remarketing do Google Ads é bastante simples: exibir anúncios publicitários personalizados para pessoas que já tiveram alguma interação com seu website.

– Na prática, no entanto, a criação correta destas campanhas, devidamente configuradas, exibe atenção redobrada. Por que podemos dizer isso?

– Nas configurações do Remarketing, há diversos critérios de segmentação que oferecem uma ampla quantidade de possibilidades. Diante disso, fica fácil concluir que é possível cometer erros ao segmentar os Links Patrocinados de Remarketing, fazendo com que a empresa perca muito dinheiro, ainda que você anuncie por meio de uma agência digital.

– Portanto, a correta configuração e revisão das listas de Remarketing pode fazer com que sua empresa aumente consideravelmente o potencial dos anúncios, gerando mais conversões para seus negócios.

– Assim, quais são os fatores que devem ser cuidadosamente analisados ao criar e revisar listas de Remarketing do Google Ads?

Codificar Todo o Website

– Uma campanha de Remarketing eficiente depende do conhecimento sobre seu público-alvo. E o que é necessário para obter conhecimento sobre o interesse das pessoas que visitam seu website é adicionar corretamente as tags.

– Estes trechos de código ajudam as agências digitais a obter insights valiosos sobre quem são os visitantes do seu site e o que eles realmente querem. Portanto, o processo de adicionar e editar as tags deve ser dinâmico, a fim de não atrasar o lançamento das campanhas publicitárias, perdendo tempo valioso.

– Neste respeito, as tags de contêiner são muitas vezes utilizadas para auxiliar no processo de adicionar novas tags ou ajustas as tags já existentes nas páginas do site.

Atenção às Regras Com Condições

– Ao criar e revisar as configurações das campanhas de Remarketing é importante estar atento às regras de “URL contém…”. Se a configuração não for feita corretamente, o público atingido poderá ser muito amplo, o que não significa necessariamente que será efetivo. Por quê?

– Isto se dá porque existe a possibilidade de uma palavra adicionada nesta condição ser encontrada em duas ou mais páginas do seu site. Assim, sem perceber, talvez sua campanha de Remarketing esteja sendo segmentada para visitantes que não são o público-alvo destes anúncios de Links Patrocinados específicos.

– Além disso, é preciso conhecer bem a estrutura do site. Alguns e-commerces permitem que o usuário vá direto para a etapa do check-out, sem precisar passar pela página da lista de compras disponível no carrinho. Assim, é preciso certificar-se de que aqueles que abandonam o check-out sejam alcançados pelo Remarketing, e não somente aqueles que abandonam o carrinho. Deixar de estar atento a estes detalhes pode fazer com que sua empresa perca clientes valiosos.

Atenção Redobrada Com o Remarketing no Google Analytics

– A segmentação das listas de Remarketing são incrivelmente potencializadas quando utilizado o Google Analytics. As opções se tornam mais amplas e as estratégias podem ser inteiramente renovadas.

– Isto, por sua vez, traz mais responsabilidades: sua utilização exige atenção redobrada dos analistas de Links Patrocinados, especialmente quando em uso as Expressões Regulares (Regex). Neste contexto, expressões regulares são aquelas sequências de caracteres que correspondem, de modo amplo ou restrito, a padrões nos seus dados no Google Analytics. O descuido com um caractere pode significar oportunidades perdidas.

– O uso de filtros de Condição e Sequência também exige atenção detalhada.

– Na imagem abaixo do Google, vemos o exemplo de uma configuração para gerar listas de clientes que saíram do funil na página do produto. Neste exemplo, vemos uma lista de Remarketing incluindo internautas que mostraram interesse na camiseta com logotipo, mas não concluíram a compra:

  • Inclusão de clientes que visualizaram a Página de categoria (vestuário/masculino+camisetas) e a Página de produtos (camiseta+branca+G+masculina+com+logotipo)
  • Exclusão da lista de clientes que visualizaram a Página do carrinho e a Página de check-out.

Revisar configurações remarketing

– A aplicação destas regras do Google Ads e Analytics oferece quase uma infinidade de opções de segmentação para suas listas de Remarketing. No entanto, qualquer configuração errada (incluindo o uso incorreto de condições “e/ou”) pode fazer com que grande parte do seu orçamento publicitário seja desperdiçado.

Certificação em Google Analytics Para Melhorar Desempenho do Remarketing

– As listas de Remarketing permitem que você traga de volta os usuários quando eles estiverem prontos para fazerem uma compra. O conhecimento avançado da ferramenta resultará na segmentação correta, e anúncios de Links Patrocinados mais eficientes.

– Por esta razão, a escolha de uma agência Google Partner Premier é vital para bons resultados. Além disso, selecionar uma agência que seja certificada em Google Analytics é uma garantia adicional de que todos os recursos da segmentação de listas de Remarketing do Analytics serão aproveitados em sua totalidade.

Copyright © Clinks®️ - Google Ads Partner PREMIER🥇. Agência Certificada Google Ads.

Seus Links Patrocinados Nas Mãos de Especialistas.