Passo a Passo de uma Campanha na REDE DE DISPLAY do Google Ads

Se você quer aumentar as vendas da sua empresa, o Google Ads tem a solução certa! Na Rede de Display são cerca de 3 milhões de sites parceiros do Google onde seu anúncio (Links Patrocinados) pode aparecer.

Neste artigo, vamos ver um guia passo a passo para você configurar uma campanha padrão na Rede de Display.

1ª etapa: Configuração da campanha padrão na Rede de Display

Na página inicial do Google Ads, clique em Campanhas no menu lateral.

Em seguida, clique no botão de + e escolha Nova Campanha.

Logo abaixo o Google Ads quer saber qual a sua meta ao anunciar na internet. Escolha aquela que tenha a ver com seus objetivos ao anunciar no Google.

Em seguida, é preciso escolher onde os anúncios devem aparecer: Rede de Display.

selecionar campanha rede display

Agora é necessário informar o subtipo da campanha. O subtipo determina quais opções vão aparecer mais pra frente na nossa configuração e os tipos de anúncio que você vai conseguir criar.

Em nosso caso, vamos selecionar o subtipo Campanha padrão de display. Neste tipo de campanha, você tem mais autonomia para decidir configurações e opções de segmentação.

subtipo da campanha

Em seguida, insira o site da sua empresa para onde o público será redirecionado após clicar no anúncio. Depois disso, clique em Continuar.

meta da empresa

Configurações adicionais

Na próxima etapa, você vai configurar sua campanha e dar alguns detalhes da segmentação. Durante todo o processo, você pode acompanhar as Estimativas semanais de desempenho localizadas na lateral direita.

A primeira informação solicitada para esta campanha padrão da Rede de Display é o nome da campanha. Escolha um nome que facilite identificar do que se trata a campanha.

nome campanha padrão da rede de display

A próxima configuração é sobre Locais, ou seja, as regiões geográficas onde seus anúncios devem aparecer. Aqui você seleciona as regiões atendidas por sua empresa.

Neste guia passo a passo, vamos configurar a segmentação para todo o Brasil, mas você pode escolher regiões específicas, incluindo outros países.

Clicando em Opções de local você vai ter algumas configurações adicionais relacionadas a segmentação geográfica.

configurações locais

A opção recomendada é “Pessoas que estão nas suas regiões de segmentação ou têm interesse nelas”. Esta opção exibe anúncios da Rede de Display para pessoas que estão na região de segmentação e também para aquelas que demonstram interesse nela.

Já a opção “Pessoas que estão na região de segmentação ou costumam frequentá-la” pode exibir anúncios para pessoas que viajam regularmente para esta região.

Em seguida, vamos configurar o Idioma do seu público. Em nosso exemplo, ficaremos apenas com o idioma Português.

A próxima configuração tem a ver com os Lances. Para campanhas da Rede de Display, as métricas principais costumam ser Conversões e Impressões visíveis. Mas isso pode variar dependendo da meta selecionada lá no início da configuração da campanha.

Em nosso exemplo, vamos selecionar a métrica Conversões. (Um detalhe: este guia leva em consideração que você já esteja utilizando o acompanhamento de conversões).

lances campanha padrão rede de display

Note que quando você escolhe uma métrica, automaticamente a estratégia de lances utilizada pelo Google Ads muda. Por exemplo, se você selecionar a métrica Impressões visíveis, a estratégia de lances seria CPM visível.

Como estamos focando em conversões, o Google quer saber como queremos gerá-las. Existem duas opções:

  • Lances definidos manualmente: utiliza a estratégia de lances CPC Otimizado.
  • Conversões maximizadas automaticamente: utiliza a estratégia de lances Maximizar Conversões.

Em resumo, você precisa escolher entre dar os lances de forma manual ou deixar esta tarefa para a inteligência artificial do Google Ads.

Em Orçamento especifique o valor máximo, em reais, que você está disposto a pagar por dia anunciando na Rede de Display.

Clique em Configurações adicionais para abrir este menu de opções:

configurações adicionais

Rotação de Anúncios: você indica se o Google deve priorizar anúncios com melhor desempenho ou alterná-los de forma indefinida.

Programação de Anúncios: é a configuração para indicar os dias e horários em que os anúncios devem aparecer na internet. Se quiser, seus anúncios podem ser veiculados 24 horas por dia, 7 dias por semana.

Datas de Início e Término: indique aqui quando você quer que seus Links Patrocinados comecem a aparecer e quando eles devem ser interrompido. Se não tiver uma data específica para encerrar a campanha, selecione “Nenhuma” em Data de Término, que é a opção padrão.

data início e término campanha

Dispositivos: você escolhe em quais dispositivos seus anúncios vão aparecer. Por exemplo, somente em computadores ou apenas em celulares. E não para por aí. Se quiser, você pode até mesmo especificar o sistema operacional que a pessoa está utilizando e o modelo do dispositivo dela. Se a pessoa não se enquadrar nestes requisitos, ela não vê a publicidade.

segmentação por dispositivo

Opções de URL da campanha: são parâmetros adicionais inseridos para fins de acompanhamento para saber mais detalhes sobre o clique.

Anúncios Dinâmicos: opção para quem quer ativar o feed de anúncios dinâmicos para criar anúncios personalizados. Esta personalização é feita com base no que a pessoa viu em seu site ou aplicativo. Assim, duas pessoas que visitaram seu site podem ver anúncios diferentes de acordo com a página visitada. Neste exemplo, vamos deixar esta opção desativada.

anúncios dinâmicos

Conversões: aqui você seleciona quais ações de conversão devem ser informadas na coluna “Conversões” nos seus relatórios de campanha.

Exclusões de Conteúdo: você pode impedir que seus anúncios sejam exibidos em sites com conteúdo que sejam inadequados para sua marca. Nesta opção, especifique o tipo de conteúdo e a classificação do conteúdo que você deseja evitar.

exclusões de conteúdo na rede de display

2ª etapa: criação dos grupos de anúncios

Ainda nesta tela, entramos em uma nova etapa: a criação do grupo de anúncios.

Inicialmente, você deve dar um nome para o grupo de anúncios.

A seguir, o Google quer saber sobre a segmentação do público-alvo. Com esta configuração, você indica quem são as pessoas que você quer que vejam os anúncios.

O Google vai lhe dar algumas ideias de tópicos para você segmentar de acordo com o assunto do seu site.

editar públicos-alvo segmentados

Mas, se preferir, clique em Procurar para dar outros detalhes sobre as pessoas do seu público: dados demográficos, interesses, hábitos, o que estão pesquisando e assim por diante.

No campo abaixo, você pode incluir mais detalhes sobre as informações demográficas do seu público, incluindo idade e status parental.

informações demográficas rede de display

Em seguida, entramos na etapa da segmentação por conteúdo. Aqui você assume um controle maior sobre onde seus anúncios devem aparecer.

Isto é feito por meio da configuração de 3 categorias, todas elas opcionais:

  • Palavras-chave: selecionando esta opção, você escolhe termos que tenham relação com seu negócio. Baseado nestas palavras, o Google Ads consegue segmentar os sites que tenham a ver com seu negócio.
  • Tópicos: são interesses amplos sobre assuntos como Automóveis, Casa e Jardim, Esportes, Saúde e assim por diante. Escolha tópicos que tenham a ver com seus produtos ou serviços – assim, seus anúncios se tornam contextuais, tendo tudo a ver com o site onde aparecem.
  • Canais: são sites, vídeos ou aplicativos específicos nos quais você exibe seus anúncios. Insira uma palavra relacionada ao seu negócio e escolha onde você quer aparecer.
editar canais segmentados

A seguir, temos a Expansão de segmentação. Pelo nome já dá para perceber: esta opção ajuda as empresas a encontrar novos clientes, além daqueles já especificados por você nos critérios de segmentação.

Note que esta opção exibe um controle deslizante. Mova este controle para a direita para alcançar pessoas semelhantes àquelas que você já segmentou. Quanto mais para a esquerda, mais a segmentação configurada nas etapas anteriores será mantida. Ou seja, se você deslizar o controle para a extrema esquerda, o Google não vai expandir sua segmentação.

expansão segmentação rede de display

Finalizando a fase da configuração do grupo de anúncios, é hora de inserir um lance para este grupo. Lembrando que o lance que aparece aqui é aquele que você selecionou anteriormente na opção Lances. Em nosso exemplo, estamos utilizando o CPC otimizado.

lance grupo de anúncios

3ª etapa: criação do primeiro anúncio

Finalmente, chega o momento de criarmos nosso primeiro anúncio. A opção disponível para a campanha e meta selecionadas são os anúncios responsivos.

Os criativos obrigatórios e opcionais de um anúncio responsivo na Rede de Display são os seguintes:

  • URL Final: o endereço para onde as pessoas serão levadas assim que clicarem no seu anúncio.
  • Imagens e logotipos: duas ou mais imagens de alta qualidade (pelo menos uma quadrada e uma no formato paisagem).
  • Vídeos: são opcionais, mas você pode inserir até 5.
  • Título: é a primeira linha do anúncio. Você pode inserir até 5 títulos de 30 caracteres cada um que serão combinados com outros recursos para criar os melhores anúncios.
  • Descrição: complementa o título e dá mais detalhes. Adicione até 5 descrições com o máximo de 90 caracteres que serão combinadas com um dos seus títulos para gerar os anúncios.
  • Nome da empresa: dependendo do layout, o nome da marca aparece no texto do anúncio.

Ao passo que for inserindo estas informações, fique de olho na tela da direita – ali você consegue ver como seu anúncio vai ficar.

criar anúncio campanha padrão

Você pode otimizar o alcance e o desempenho dos seus anúncios selecionando Outras opções de formato.

opções de formato
  • Usar as melhorias de recurso: permite que o Google utilize o aprendizado de máquina para otimizar seus anúncios.
  • Usar o vídeo gerado automaticamente: ativando esta opção, você permite que o Google crie um vídeo com base nos criativos enviados para este anúncio.
  • Usar formatos nativos: com esta opção ativada, você amplia o alcance da sua publicidade na Rede de Display, incluindo mais editores.

Em seguida, você pode clicar em Mais Opções para adicionar um texto de call-to-action, como Reservar Agora, Saber mais, Instalar e assim por diante. Se deixar na opção Automatizado, o Google vai selecionar uma call-to-action para você.

Também é possível adicionar cores personalizadas onde você inclui até 2 cores que deseja usar na maioria dos formatos.

call-to-action e cores personalizadas

Após concluir esta etapa, basta adicionar o Link Patrocinado ao grupo de anúncios e clicar em Criar Campanha.

Pronto! A configuração da sua primeira campanha padrão na Rede de Display está concluída.