Google Ads é caro? Entenda porque alguns têm prejuízos com anúncios no Google

18/03/2022 by in category Anuncia no Google de forma autônoma, Custos with 0 and 1
Home > Blog > Anuncia no Google de forma autônoma > Google Ads é caro? Entenda porque alguns têm prejuízos com anúncios no Google

Será que o modelo de negócios do Google Ads é muito caro? Por que algumas empresas chegam à conclusão que o Google Ads é muito caro e não serve para elas?

Ao passo que muitas empresas anunciam lucros e mais lucros anunciando no Google, outras têm prejuízos e frustração. Em outras palavras, orçamento diário que se esgota rapidamente e pouco (ou nenhum) retorno. Então, concluem que anunciar no Google Ads é caro.

Assim, onde está o problema? Será que o Google Ads é realmente muito caro? Este é o modelo de negócios certo para sua empresa?

Google Ads é caro?

Existem diversos fatores que tornam esta resposta relativa.

Por exemplo, o valor que você paga por clique depende do seu ramo de negócio e da concorrência da palavra-chave.

Veja no exemplo abaixo os maiores valores do custo por clique de 3 palavras-chave de ramos bem diferentes.

diferentes valores de cpc

De fato, diversos sinais em tempo real interferem no valor que você vai pagar por clique. Alguns deles são:

  • Ramo de negócio.
  • Palavra-chave específica que foi pesquisada.
  • Dia e horário da busca.
  • Cidade onde a busca foi feita, e assim por diante.

Assim, lembre-se que o Google Ads não tem um preço fixo. Na verdade, é um leilão. Quanto mais concorrida for uma palavra no momento da busca, ou seja, quanto mais empresas estiverem anunciando neste momento e dando lances agressivos, mais caro fica o clique. E o contrário também é verdade.

Portanto, é possível que alguns negócios paguem apenas alguns centavos por clique, ao passo que outros paguem mais de 100 reais.

Por que algumas empresas têm prejuízos anunciando no Google?

Vamos considerar alguns fatores envolvidos nos custos desta publicidade e porque alguns acham Google Ads caro.

1. Orçamento diário

No Google Ads, você escolhe o valor máximo que pode gastar por dia.

Por exemplo, se definir um orçamento diário de R$ 100,00, o Google Ads vai entregar anúncios até que você gaste este valor.

Por isso, é preciso cautela nesta hora. Algumas empresas iniciantes e sem experiência, acreditando que quanto mais investir mais vão ganhar, definem um orçamento muito alto. E quando não tem o retorno esperado, o prejuízo é grande.

Assim, faça uma análise para definir quanto você realmente pode gastar por dia.

Especialmente para quem está começando a anunciar no Google, talvez seja melhor começar com um orçamento um pouco menor do que você pode pagar. Assim, você evita surpresas.

2. Palavras-chave e CPC

Algumas empresas acham Google Ads caro porque não fazem uma boa pesquisa de palavras-chave. Palavras pouco relevantes consomem o orçamento e dão pouco retorno.

É possível encontrar palavras com um bom alcance, menos competitivas e mais baratas.

Além disso, é preciso definir o lance certo para conseguir aparecer nas buscas mais importantes, ao mesmo tempo em que faz bom uso do orçamento.

Mas, ao definir o lance, é preciso considerar a taxa de cliques e custo por conversão. Desta forma, palavras que trazem mais lucro para sua empresa podem ter um lance maior.

3. Conversões

Muitas empresas que concluem que o Google Ads é caro só olham para vendas imediatas.

No entanto, em muitos casos, o funil de conversão pode ser longo. Ou seja, a pessoa pode demorar semanas para finalizar uma compra.

Com uma gestão profissional, é possível rastrear as conversões e verificar se o Google dá resultados além do curto prazo.

De fato, sem este acompanhamento, a gestão de resultados do Google Ads fica às cegas.

4. Índice de qualidade

O índice de qualidade é uma pontuação que o Google dá para a qualidade dos anúncios e páginas de destino. Quanto maior esta nota, seus anúncios ficam em posições mais visíveis e você ainda paga menos por clique.

Por isso, vale a pena contratar uma agência Google Partner com experiência e habilidade em criar anúncios de qualidade, aumentando esta pontuação.

5. Tempo de aprendizado

Grande parte do desempenho dos anúncios no Google acontece por meio de inteligência artificial e aprendizado de máquina.

Por exemplo, o Google consegue ajustar lances de forma automatizada, além de definir os melhores títulos e linhas de descrição dentre várias opções que você cria.

Assim, uma campanha em aprendizado significa que o Google precisa de um tempo para entender seu público e entregar os melhores resultados.

No entanto, é preciso esperar alguns dias até completar este aprendizado. Interromper uma campanha cedo demais significa não dar tempo suficiente para o Google aprender sobre seu negócio.

6. Gestão autônoma x agência certificada Google Partner

Há muitos casos de empresas que gerenciam suas campanhas de forma autônoma e experimentam decepção e frustração.

Muitas vezes, desistem logo nas primeiras semanas argumentando que o Google Ads é muito caro.

Mas, quando se anuncia no Google por meio de agências Google Partner, é possível obter melhores resultados e aproveitar de forma inteligente cada centavo que você investe nos Links Patrocinados.

Vale a pena anunciar no Google!

O Google Ads é uma solução de web marketing poderosa. De fato, seus concorrentes já sabem disso.

No entanto, para conseguir tirar bom proveito, é preciso fazer a gestão das campanhas do jeito certo. Do contrário, você sai no prejuízo e conclui que o Google Ads é caro e não serve para sua empresa.

Mas, deixando suas campanhas nas mãos de um especialista Google Ads, no devido tempo, você colhe os frutos do seu investimento.

Clinks ®️ | Google Ads Partner PREMIER

CNPJ: 08.194.590/0001-42

Política de privacidade e termos de uso

Trabalhe conosco

Mapa do Site