Como funciona a Inserção Dinâmica de Palavras-chave

17/09/2021 by in category Google Ads, Palavra-chave with 0 and 3
Home > Blog > Google Ads > Como funciona a Inserção Dinâmica de Palavras-chave

Inserção de Palavras-chave atualiza de forma dinâmica as palavras exibidas nos anúncios de texto. Veja se é vantajoso ou não usar este recurso.

Imagine anúncios que aparecem de formas diferentes para os clientes, dependendo dos termos de pesquisa que eles usam em suas buscas.

Você pode conseguir isso com a Inserção de Palavras-chave do Google Ads.

Neste artigo, veja o que é a inserção dinâmica de palavras-chave e quando você deve usar este recurso.

O que é Inserção de Palavras-chave

A Inserção de Palavras-chave é um recurso do Google Ads que permite personalizar os anúncios de texto de forma dinâmica, de acordo com a pesquisa dos clientes.

Por exemplo, imagine uma empresa com uma campanha para divulgar tênis. As pessoas pesquisam de 3 formas diferentes: “tênis esportivo”, “tênis esportivos”, “tênis para esporte”.

Com a inserção dinâmica de palavras-chave, você consegue exibir as seguintes linhas em cada uma destas buscas, respectivamente

“Encontre aqui tênis esportivo

ou

“Encontre aqui tênis esportivos

ou

“Encontre aqui tênis para esporte

Note que a palavra-chave no anúncio é ajustada de acordo com a pesquisa dos clientes.

Inserção de Palavras-chave: Como funciona?

Para que a ferramenta de inserção dinâmica de palavras-chave funcione, as variações de palavras-chave que você quer utilizar precisam estar nos grupos de anúncios.

O próximo passo é adicionar um snippet de código no texto do anúncio:

{keyword:palavra-chave}

Neste caso, substitua o termo “palavra-chave” pela palavra ou frase que desejar exibir no anúncio.

Por exemplo:

Título: Encontre aqui {keyword:tênis}

Neste caso, o Google vai tentar substituir o código por uma das palavras do seu grupo de anúncios (“tênis esportivo”, “tênis esportivos”, “tênis para esporte”). Se não conseguir, ele usa apenas a palavra “tênis”.

Você pode usar a inserção dinâmica:

  • No título
  • Nas linhas de descrição
  • Na URL de visualização.

Passo a passo para usar inserção dinâmica de palavras-chave

Para evitar erros na hora de escrever a fórmula, o método abaixo é mais seguro:

Ao criar os anúncios de texto, insira uma chave “{” e escolha Inserção de palavra-chave.

como usar inserção dinâmica de palavras-chave

Em “Texto padrão”, escolha a palavra que o anúncio deve exibir quando não for possível substituir o texto por uma palavra-chave.

texto padrão inserção dinâmica

Em seguida, você precisa configurar o uso de letras maiúsculas e minúsculas.

  • Todas as palavras com a primeira letra maiúscula. Por exemplo, “Tênis Esportivo”.
  • Frase com a primeira letra maiúscula. Por exemplo, “Tênis esportivo”.
  • Letra minúscula. Por exemplo, “tênis esportivo”.

Por fim, clique em Aplicar.

Inserção dinâmica de palavras-chave: vantagens de usar

Existem algumas vantagens em usar a inserção de palavras-chave, como:

  • Implementação rápida: a inserção dinâmica pode economizar muito tempo do anunciante. Especialmente em e-commerces onde existe uma grande variedade de um item (por exemplo, tintas de impressora com diversos SKUs), é um desafio criar um grupo de anúncio para cada item.
  • Maior proximidade com a pesquisa do usuário: de modo geral, os usuários clicam em anúncios cujos textos refletem mais de perto aquilo que eles estão procurando.
  • Negrito: visto que o Google Ads coloca em negrito as palavras-chave digitadas pelas pessoas e que aparecem no anúncio, seus Links Patrocinados podem se destacar ainda mais nos resultados da pesquisa.

inserção dinâmica exemplo

De fato, a inserção dinâmica pode ajudar a aumentar a relevância dos seus anúncios no Google, deixando-os mais específicos.

No entanto, é importante que você avalie as taxas de cliques e conversão destes anúncios para descobrir se o uso da ferramenta melhorou o desempenho.

Quando não usar a Inserção Dinâmica de Palavras-chave

Apesar das grandes vantagens em usar esta ferramenta, é preciso cautela.

Pense no seguinte aspecto: ao criar manualmente cada um dos anúncios, você consegue testar a sonoridade de cada um deles, por assim dizer.

Por outro lado, a inserção dinâmica pode fazer com que este processo se torne mecânico demais e você deixa de avaliar se a frase soa de forma agradável. Além disso, visto que a inserção pode ser usada em URLs, títulos e descrições, alguns anunciantes exageram em seu uso, causando uma fadiga de palavras-chave.

Além disso, lembre-se do limite de caracteres dos anúncios. Por exemplo, os títulos não podem ter mais de 30 caracteres. Se o uso de palavras dinâmicas estourar este limite, a inserção não vai funcionar.

Finalmente, os textos dos anúncios estão sujeitos às políticas de publicidade do Google. Assim, se o uso das palavras dinâmicas deixar o anúncio sem sentido ou com erros gramaticais e ortográficos, a inserção de palavras-chave pode não funcionar.

Concluindo

Existem algumas vantagens em usar a inserção dinâmica de palavras-chave.

No entanto, vimos que ela pode tirar o “fator humano” e fazer com que os anúncios soem artificiais.

Por isso, é preciso cautela ao usar este recurso. Em geral, é melhor usá-lo de forma pontual. Por exemplo, em casos em que esteja anunciando um produto com uma enorme quantidade de versões.